domingo, 31 de janeiro de 2016

O DILEMA DA EDUCAÇÃO PÚBLICA EM ORAÇÃO



A – Ame aprender como ama a si mesmo;

B – Bem aventurados são aqueles que ainda acreditam no ensino público, pois diante das reis circunstancias o sonho de uma educação de qualidade acaba se tornando um pesadelo;

C – Conhecimento é a raiz que vai lhe dar sustentação moral e intelectual ao longo da sua existência, por isso seja curioso e persistente para fortalecer ainda mais a sua raiz pois se você for esperar pelo ensino publico se tornará uma árvore sem frutos e decadente;

D - Deixe que o poder transformador da educação aja em você, e verá que será salva da marginalização, da alienação e das manobras da má educação;

E- Eu sei que preciso estudar, por isso senhor me dê coragem e entusiasmo para enfrentar todos os dias escolas mal equipadas e sem infraestrutura adequada;

F – Fazei-me senhor que eu tire notas boas, pois o sistema se preocupa muito com a reprovação;

G – Garanta assim Deus Pai que eu não fique para recuperação e supere as perspectivas dessa educação que ora me é oferecida;

H – Hoje então te peço senhor, que guie meus passos e me desvie da indiferença e dá má vontade dos governos em relação à educação pública;

I – Insista, invista e acredite em você e somente em você sem esperar que terceiros assim o façam;

J – Jamais permita senhor que a educação me transforme em um animal irracional como os políticos de hoje;

L – Lembra-me então senhor, que os livros são nossos maiores aliados; 

M – Mais uma vez senhor venho, ti pedir calma para não explodir e fazer besteiras como muitos irmãos que se deixaram levar pelos maus exemplos;

N – Não se deixe corromper-se, apesar de tudo, façamos nós a nossa parte para que possamos voltar a vê um futuro melhor para a educação pública;

O- Opere senhor o milagre que a séculos esperamos ....

P – Pois promessas são promessas, e mesmo assim escassas, pois até estas só vemos a cada quatro anos e nada mais;

Q- Queremos práticas, eficácia e eficiência e não teorias

R – Rezemos e oremos então, pois se mesmo assim não conseguirmos uma educação forte, ao menos fortalecemos o nosso espírito;

S – Sonhe, pois o sonho é o alimento que nos rege em busca de nossos objetivos, porém não durma demais para que possa sobrar tempo para coloca-los em pratica;

T- Tenha paciência, caso contrario acabará abandonando a escola, faça isso e tenha certeza que muita gente estará aplaudindo sua atitude pois terá poder sobre você mais tarde;

U- Urgência e emergência. Se fosse num hospital era onde a educação pública estaria;

V – Voluntários é o que a educação pública precisa neste momento senhor, pois diante de um piso salarial pago aos professores públicos é isso que eles são VOLUNTARIAOS;

X – Xeroque somente o que vai contribuir para seu crescimento pessoal e profissional;

Z – Zele pela sua educação, não se oprima, tenha força. Apesar de tudo é preciso acreditar... AMÉM.







Um comentário:

  1. Estive a ver e ler algumas coisas no seu blog que achei muito interessante,e espero voltar mais algumas vezes,deu para ver a sua dedicação e sempre a prendemos ao ler blogs como o seu.
    Gostei de tudo o que vi e li.
    Vim também desejar muita paz,e uma feliz Páscoa.
    São os votos do Peregrino E Servo.
    Abraço.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir